domingo, 9 de agosto de 2009

Todos por uma Educação Nota Dez

DIA 11 DE AGOSTO: TODOS POR UMA EDUCAÇÃO NOTA DEZ

FOCO DA DISCUSSÃO: Prova Brasil e ENEM

Prezados diretores e diretoras das escolas públicas estaduais de Mato Grosso.

Estamos na terceira edição anual do movimento: TODOS POR UMA EDUCAÇÃO NOTA DEZ. Neste ano traremos para a pauta e foco principal da nossa discussão a PROVA BRASIL e o ENEM. Pretendemos aproveitar o atual momento em que todas as escolas já se encontram EM ESTADO DE ESPERA DA AVALIAÇÃO EXTERNA, a ocorrer no próximo mês de outubro, para fazer uma profunda reflexão acerca do significado da avaliação externa para a aprendizagem dos alunos, para a gestão da escola e da Seduc, para o desenvolvimento do trabalho pedagógico, para o trabalho das Assessorias Pedagógicas e dos Cefapros, bem como o acompanhamento dos pais em relação à vida escolar dos seus filhos e o estudo dos discentes.

A avaliação do cotidiano escolar (aqui chamada de avaliação interna) permite um DIAGNOSTICO constante, e a partir dele o replanejamento e a proposição de ações que GARANTAM A APRENDIZAGEM DOS ESTUDANTES. A avaliação externa (Prova Brasil e o ENEM), desenvolvida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC), é de larga escala e tem o objetivo de avaliar a qualidade do ensino oferecido pelo sistema educacional brasileiro a partir de testes padronizados e questionários socioeconômicos, mostrando os resultados de cada escola. Ambas tem suas especificidades e objetivos, entretanto o processo é o mesmo.

A partir das informações DAS AVALIAÇÕES DA PROVA BRASIL E DO ENEM , o MEC e a SEDUC definem ações voltadas ao aprimoramento da qualidade da educação e a redução das desigualdades existentes, promovendo, por exemplo, a correção de distorções e debilidades identificadas e direcionando seus recursos técnicos e financeiros para áreas identificadas como prioritárias. As médias de desempenho nessas avaliações também subsidiam o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), ao lado das taxas de aprovação nessas esferas.

Nesse sentido, façam, juntamente com a comunidade escolar uma reflexão acerca do IDEB de sua escola. Quais objetivos e metas a escola tem planejado a partir da realidade do IDEB? Onde e como pretendemos chegar? A proposta pedagógica está a serviço da aprendizagem dos seus estudantes? O estudante da sua escola sabe A SITUAÇÃO EM QUE ELE SE ENCONTRA? Vocês dizem para ele que TEM DE APRENDER? É dito ao estudante O TAMANHO DO ESFORÇO QUE ELE PRECISA FAZER PARA APRENDER? O estudante sabe por que e para que ele tem que aprender? Qual o significado da avaliação interna (a do cotidiano escolar) e da avaliação externa para a sua escola? Vocês informaram aos estudantes que eles serão avaliados pelo INEP este ano? Os estudantes sabem da importância de sua participação no ENEM? O que significa, para a escola, AVALIAR PARA A APRENDIZAGEM DOS ESTUDANTES? Quais os desafios do processo de avaliação para as aprendizagens?

A IDÉIA PRINCIPAL, NESTE DIA 11 DE AGOSTO, É QUE TODAS AS ESCOLAS ESTADUAIS SE APROPRIEM DOS DADOS DISPONIVEIS NA ÚLTIMA AVALIAÇÃO, ( IDEB) ANALISEM E A VALIEM OS RESULTADOS DA APRENDIZAGEM DOS ALUNOS NOS ÚLTIMOS DOIS ANOS E NESTE ANO DE 2009.

ISTO SIGNIFICA DIZER QUE CABE A ESCOLA PARAR - NESTE DIA 11 DE AGOSTO - PARA FAZER UMA REFLEXÃO ACERCA DO SEU TRABALHO PEDAGÓGICO, A PARTIR DOS RESULTADOS DO IDEB, DA AVALIAÇÃO EXTERNA, ENTENDENDO QUE TRATA, TAMBÉM, DA NECESSIDADE DE SE DESENVOLVER UMA PRÁTICA DE AVALIAÇÃO CONSTANTE PARA AVERIGUAR E CORRIGIR EM TEMPO AS FRAGILIDADES E DISTORÇÕES E ASSEGURAR O DIREITO DOS (AS) ESTUDANTES: APRENDER.

Sugerimos que convidem a comunidade escolar, os representantes das universidades, dos Conselhos Municipais, Conselho Estadual, Cefapros. Deem entrevistas e entrevistem pessoas, convidem palestrantes, as Assessorias para estabelecer este momento de reflexão. Vamos todos (as), neste dia do estudante, pensar se realmente estamos assegurando a eles a EDUCAÇÃO DE QUALIDADE.

Secretaria de Estado de Educação


Colaboração/Divulgação

Equipe de Comunicação

CEFAPRO/Rondonópolis - MT

Nenhum comentário: